Benchmarking: o que é, qual a importância e como fazer?

Fazer Benchmarking! Você já ouviu essa “expressão” no marketing digital? O sonho de todo empreendedor é ver sua empresa prosperando, obtendo sucesso e se valendo dele por longo tempo.

Entretanto, buscar pela excelência nos processos não será suficiente caso não se tenha parâmetros e referências do que é perfeição.

É aí que entra o “uso” do benchmarking, que nada mais é que uma técnica desenvolvida e muito utilizada pelas companhias para monitorar a concorrência, comparar o desempenho de resultados e tornar os seus processos mais eficazes.

Quer entender um pouco mais dessa estratégia para aplicá-la no seu negócio? Continue a leitura!

O que é benchmarking?

Para que você aprenda como aplicar essa técnica em seu negócio, é importante conhecer bem o conceito.

Benchmarking vem da palavra “benchmark”, que significa “referência“. 

Em outras palavras, e é uma análise profunda das estratégias e ações de empresas que atuam no mesmo setor que você ou até mesmo em segmentos relacionados. 

Portanto, saiba que independente do tamanho do seu negócio, fazer benchmarking é extremamente relevante para mapear o que os seus concorrentes andam fazendo e, assim, se preparar para desenvolver ações de marketing mais assertivas.

É claro que nem tudo são flores, e aqui cabe ressaltar que essa estratégia não se trata de uma simples imitação ou cópia, mas da capacidade de enxergar as melhores práticas e adequá-las à sua companhia.

Quais são os tipos de benchmarking?

Os quatro métodos mais conhecidos são: 

Benchmarking interno: que é utilizado para encontrar as melhores práticas adotadas dentro da própria empresa. 

Sabe aquele setor ou produto que tem dado um resultado satisfatório? Que tal entender mais sobre o processo que levou a tal consequência e como ele pode ser aplicado em outros setores?

Benchmarking competitivo: aqui, o foco é a análise minuciosa das práticas da concorrência, visando superá-las, fazer melhor. 

Esse é um dos processos mais difíceis, visto que as empresas não costumam entregar suas fórmulas mágicas. 

Benchmarking funcional: nesse caso, o que é comparado é o processo de trabalho entre as organizações, mesmo que a comparação esteja sendo feita entre entidades de segmentos distintos;

Benchmarking de cooperação: é quando duas empresas estabelecem uma parceria e compartilham informações de seus processos. 

Vantagens e desvantagens do benchmarking

O Benchmarking é uma ferramenta muito importante, pois pode ajudar a compreender e encontrar a respostas para algumas questões importantes, como:

  • Como estou me saindo em relação à concorrência?
  • Os resultados que estou alcançando são satisfatórios?
  • Como aumento a produtividade e eficiência dos meus processos?

Além do mais, ele apresenta uma série de vantagens e desvantagens para ficar atento:

  • Descobrir práticas de sucesso de empresas que já têm conhecimento estabelecido sobre um determinado assunto;
  • Identificar novas tendências e sair à frente;
  • Receber novas referências de empresas que atuam no mesmo segmento que o seu;
  • Melhorar o conhecimento que a organização tem de si mesma;
  • Aprimorar seus processos e práticas empresariais para chegar o mais próximo da excelência;
  • Aprender com quem já passou pelos mesmos desafios;
  • Buscar redução de custos, aumento na produtividade e ampliação na margem de lucro, etc.
  • Deve-se tomar cuidado para adequar as metodologias e práticas observadas ao contexto da empresa. Somente transpor (copiar) sistemas, pura e simplesmente, com certeza conduzirá a empresa a resultados nulos;
  • Benchmarking interno possui campo de visão limitado;
  • Um eventual excesso de foco na concorrência pode fazer a empresa perder sua própria identidade. Deve-se ter, portanto, o cuidado de adaptar o que for melhor, sem perder suas características mais marcantes.

Como fazer benchmarking?

Para fazer o benchmarking corretamente, você pode seguir os seguintes passos:

Escolha as marcas que serão estudadas

A gente sabe que é difícil encontrar tempo para acompanhar todo mundo do seu segmento e mesmo que você ficasse o dia todo por conta disso, não conseguiria fazer por conta do número de empresas.

Então, o primeiro passo é uma escolha cuidadosa dos concorrentes.

Recomendamos que você comece com três deles, para ter uma ideia da variedade de posturas e estratégias de marketing digital possíveis. 

Procure sempre optar por aqueles que são líderes de mercado e certamente têm ações de sucesso em seus históricos.

Determine os indicadores de análise

Você almeja observar qual métrica de cada um deles dos seus concorrentes? 

Engajamento, alcance, frequência de postagens… cada grupo de métricas a ser analisado deve se relacionar a uma estratégia do seu negócio.

A dica de ouro para que você faça essas análises é elaborar uma planilha para comparar e preencher aspectos específicos de cada empresa. 

Selecione o que você julga mais importante para acompanhar e coloque nessa tabela.  

Obtenha dados

A internet tem vários recursos que você pode utilizar para fazer essa avaliação: redes sociais, sites, blogs, ferramentas específicas…

O importante é obter a maior quantidade de dados possível, facilitando a sua interpretação. 

Compare e analise as informações

Depois de levantar todas as informações, é hora de fazer uma análise das ações e comparar com as que a sua empresa tem feito.

Assim, você começará a entender como algumas companhias fazem tanto sucesso utilizando determinadas abordagens com o público.

Portanto, destaque os pontos positivos e negativos dos concorrentes

Dessa maneira, você utilizará o que deu certo como referência e levará em consideração as falhas para não repeti-las em seu planejamento.

Agora você já conhece bastante sobre benchmarking e sobre como ele pode te ajudar a ter bons resultados. Mas diz aí nos comentários, você vai implementar essa estratégia no seu negócio?

Leia também:

Os principais motivos para ter um calendário de postagem para redes sociais

Como tirar as melhores fotos gastando quase nada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *